Impacto Positivo
Vivendo em uma Ecovila com a Escola de Permacultura

Vivendo em uma Ecovila com a Escola de Permacultura

March 30, 2019

Eles se conheceram implementando projetos de bioconstrução, de saneamento básico e segurança alimentar em favelas, quilombos e tribos indígenas. Eles são de cidades, profissões e históricos de vida totalmente diferente, mas encontraram uma paixão em comum na construção de um mundo melhor. Eu converso com a equipe da Escola de Permacultura sobre como nasceu a ecovila da escola, um pedacinho de paraíso que eles carinhosamente chamam de 'Terrinha'.

Nota: Se você tem aprendido e se inspirado com o podcast, peço que compartilhe o conteúdo nas suas redes sociais e deixe suas avaliações no iTunes ou Stitcher. Para enviar notícias de impacto positivo é só compartilhar os artigos direto em nossa página no Facebook ou enviar sua sugestão de pauta por email para info_arroba_euricovianna.com.br com o título “Sugestão de Pauta para Impacto Positivo”.

A grande maioria das pessoas já sabe lá no dentro do peito que o projeto de civilização atual é razo, sem sentido e degradante, mas os que se arriscam a construir uma alternativa ainda são uma minoria. Existem várias razões social, culturais e econômicas que explicam essa dificuldade de criarmos alternativas viáveis. Alternativas onde o nosso viver restaura não só o meio ambiente, mas nosso cerne, nossas relações e nossa maneira de viver. Pois bem, a equipe da Escola de Permacultura conversa com a gente sobre esse chamado, sobre essa coragem de ouvir esse grito interno e agir. Eles saíram do campo da insatisfação e passaram para o campo da construção de um mundo melhor, mais justo e harmonioso por meio de cursos, atividades e do próprio viver; em uma ecovila.

O papo passeia pela vida de cada integrante antes da decisão de participar da ecovila. Cada um deles contou uma história única, mas que se repete com nuances na vida de cada um de nós. Eles compartilham a jornada, nada fácil, de encontrar um pedaço de terra com todas as características necessárias para que um grupo diversificado o possa chamar de 'lar'. Mais para o final do podcast eles contam como a permacultura, a Escala de Permanência da Linha Chave e a bioconstrução tem guiado as etapas de construção.

No finalzinho do podcast eu ganhei um presente com um ótimo feedback do curso de Agricultura Regenerativa que ministrei em parceria com a Escola no ano passado (2018). Desse curso nasceu uma parceria muito produtiva que hoje convidamos vocês para participar.

Temos o prazer de convidar a todos que querem sair do campo da insatisfação e reclamação para entrar no campo da construção e da restauração para a segunda versão do curso de Agricultura Regenerativa entre os dias 20 a 29 de Maio (2019) e a Turnê "Gerenciamento Holístico - Pecuária e Restauração Ecológica de Mãos Dadas" que acontece entre Junho e Julho de 2019 em várias localidades do Brasil com a parceria de produtores rurais inovadores e cheios de consciência ambiental.

De pouco adianta reclamar do Brasil atual se você não está participando da construção de alternativas viáveis. E como, mudança boa se faz em boa companhia, já pensou em se juntar com a Escola de Permacultura na construção da ecovila? Eles ainda tem alguns lotes.

Abraço e até o próximo podcast!
Eurico Vianna

Sítio Florestinha - Agrofloresta, abundância e criptomoedas com Dax Reis

Sítio Florestinha - Agrofloresta, abundância e criptomoedas com Dax Reis

March 10, 2019

O que a produção de alimentos em sistemas florestais, o paradigma da abundância, a produção e comercialização em redes e as criptomoedas tem em comum? Nesse podcast eu converso com o Dax Reis, empreendedor, inovador e ativista socioambiental que fundou o Sítio Florestinha em Alto Paraíso, GO. Ele costura para a gente como esses conceitos se completam em um novo paradigma distruibiodo, abundante e regenerativo.

Nota sobre o Impacto Positivo e a turnê Gerenciamento Holístico 2019 - Solto esse programa já em meio a preparações de outra viagem para o Brasil na qual estarei promovendo junto com o educador/consultor Australiano Graeme Hand o Gerenciamento Holístico no Brasil. Vou trabalhar com a Escola de Permacultura, com a Fazenda Bella e com novos parceiros no interior de São Paulo, mas preciso da ajuda de todas as pessoas que gostam do conteúdo para divulgar essa turnê! Peço a todos que compartilhem o conteúdo específico do Gerenciamento Holístico para eu possa encontrar parceiros que viabilizem esse projeto e os podcasts de maneira geral como forma de mostrar que outro mundo é possível, já existe, é viável e muito mais digno, saudável e harmonioso.
- Se você usa um celular Android se inscreva no Stitcher ou se usa iPhone, se inscreva no iTunes.  Aproveite e deixe sua avaliação por lá, isso faz muita diferença em como o podcast passa a ser 'oferecido' nos mecanismos de busca ;)
- Compartilhe as entrevistas e artigos com seus comentários nas suas mídias sociais.
- Se você prefere assistir as entrevistas em vídeo, se inscreva no canal no YouTube.
- Curta a página do Podcast no Facebook
- Se inscreva na mala direta para receber artigos, entrevistas e cursos em primeira mão.

Na primeira parte do nosso papo Dax compartilha como a implementação de sistemas florestais é uma experiência existencial, mas que à partir da colheita vira um negócio com demandas urgentes relacionadas ao plano material. A história do começo do Sítio Florestinha é parecida com a jornada de muitas pessoas que fazem a transição para o campo e passam a ser produtores que precisam aprender a comercializar. Dax compartilha com a gente as falhas e as soluções de comercialização em rede que ele encontrou combinando a venda na feira, a venda direta e a venda em parceria com os supermercados locais. Convencendo os empresários locais que o há demanda por produtos agroecológicos ou florestais, o Dax conseguiu implementar gôndolas nos mercados onde os produtores agroecológicos ou agrofloresteiros podem deixar seus produtos para venda e educar o consumidor da qualidade e vantagens que eles tem. 

Para ler as notas desse podcast na íntegra e ter acesso aos links compartilhados, visite a página no site.

Agradecimentos especiais para o Pedro Avelino, que criou o grupo Choque de Permacultura e promoveu um curso com um pessoal muito bacana da arquitetura em Brasília e possibilitou minha ida à Chapada dos Veadeiros em 2018. Agradecimentos igualmente especiais para a Silvinha (@silmelo.essencial ) e para o Ed Samadhi (@edsamadhi), família, casal empreendedor, e pessoas lindas que nos receberam em sua casa cedendo espaço para esse trabalho e para a farra.

Abraços,
Eurico Vianna

Plantando Água e promovendo segurança alimentar com Osmany Segall

Plantando Água e promovendo segurança alimentar com Osmany Segall

February 27, 2019

Com uma abordagem integrativa Osmany Segall, Igor Aveline e Fabiana Penereiro tem usado a implantação de sistemas agroflorestais sucessionais para promover a segurança alimentar entre famílias assentadas do MST no DF ao mesmo tempo que recuperam a cabeceira da bacia hidrográfica do Descoberto. Essas famílias participam, do Programa Água Brasil, “que visa à conservação de recursos hídricos” no país. Fruto de uma parceria entre a WWF e a Fundação Banco do Brasil, o programa tem foco exclusivo em soluções para problemas relacionados a água, mas o time do Mutirão Agroflorestal insistiu que os melhores 'guardiões' para os sistemas de reflorestamento implantados seriam aqueles que mais dependem deles e da água como recurso na região.

Durante o podcast conversamos sobre a primeira etapa do programa e 4 famílias assentadas no Canaã, um acampamento do MST no Distrito Federal que visitei com o Osmany entre os trabalhos que fizemos na Fazenda Bella no ano passado. O projeto como um todo, entretanto, atende 37 famílias assentadas em 4 acampamentos e uma área de 17.8 hectares. Em um papo muito descontraído Osmany conta como as famílias foram ouvidas em um processo de diagnóstico participativo que orientou o desenho, também participativo, das áreas de acordo com necessidades e contextos específicos. Ainda assim, a criação de 3 áreas distintas de implementação em cada terreno foi comum na grande maioria dos casos. Foram essas: áreas de enriquecimento, áreas (de plantio) intensivas e áreas de engorda de solo.

Outras soluções e abordagens mais técnicas para o contexto de cada família também foram compartilhadas em detalhe pelo Osmany revelando um conteúdo específico mesmo para aqueles que já tem um conhecimento desses tipo de sistemas florestais. Mais detalhes sobre esse projeto podem ser lidos no artigo https://www.euricovianna.com.br/2018/09/28/promovendo-seguranca-alimentar-e-restaurando-a-bacia-do-descoberto-usando-safs-com-o-mst/ .

Como de costume peço que compartilhem o conteúdo e façam sua inscrição no canal.

Abraços!
Eurico Vianna

Redes Agroflorestais com Namaste Messerschmidt

Redes Agroflorestais com Namaste Messerschmidt

February 5, 2019

Publico esse podcast em um momento no qual mais agrotóxicos são aprovados, seu uso ampliado para mais lavouras e tudo isso em tempo recorde para agradar as corporações. Eu converso com Namaste Messerchmidt, um dos educadores mais ativos do movimento agroflorestal. Entre outros assuntos, todos muito pertinentes para o grave momento que vivemos no Brasil e no mundo, conversamos sobre a pratica da agrofloresta em rede e como ela pode ser uma alternativa eficiente para recuperar solos, lençóis freáticos, a biodiversidade e a vida dos que a praticam. Conversamos também sobre o MST, e como o movimento se tornou um grande laboratório da agricultura regenerativa.

Para acessar as notas da entrevista com links para os recursos mencionados durante nossa conversa visite o site do podcast Impacto Positivo nesse link.

Como de costume, lembro a vocês que mudança boa se faz em boa companhia! Se você tem aprendido e se inspirado com o podcast, peço que compartilhe o conteúdo nas suas redes sociais e deixe suas avaliações no iTunes ou Stitcher. Para enviar notícias de impacto positivo é só compartilhar os artigos direto em nossa página no Facebook ou enviar sua sugestão de pauta por email para info_arroba_euricovianna.com.br com o título “Sugestão de Pauta para Impacto Positivo”.

Abraços!
Eurico Vianna

Agroflorestando com Gabriel Menezes

Agroflorestando com Gabriel Menezes

October 2, 2018

Nesse podcast Gabriel Menezes, sócio co-fundador da Simbiose Agroflorestal, conta como redesenhou sua vida com a permacultura e a agrofloresta para viver uma vida saudável e abundante com sua família em uma área rural de Campo Largo no Paraná.

Para mais informações e contatos visite o artigo sobre o podcast no site.

Mais uma vez, eu sigo honrado e agradecido pelo contato com pessoas maravilhosas que fazem do seu dia-a-dia a ferramenta de construção de um mundo mais justo, abundante e harmonioso.

Abraço!

O papel Robin Hood da Permacultura com CJ

O papel Robin Hood da Permacultura com CJ

July 24, 2018

Cláudio Jacinto ou CJ como é mais conhecido é um jovem quarentão que vem praticando a Permacultura há mais de 20 anos. CJ, que fez cursos com Bill Mollison, David Holmgren e Ernst Gotsch, co-fundou o IPOEMA (Instituto de Permacultura sediado em Brasília-DF), foi um dos precursores do ensino da Permacultura nas universidades públicas e levou o conhecimento da Permacultura, literalmente, a milhares de jovens. Confira esse papo super interessante e perceba como a permacultura pode emponderar mudanças radicais para a construção de um paradigma de impacto positivo em nossas vidas e no planeta.

Se você ainda não sabe bem o que é a Permacultura, aconselho parar a leitura e assistir a Mini Introdução a Permacultura aqui no canal.

Para mais informações sobre o CJ e o trabalho dele, assim como para se inscrever para receber as notícias do site visite: https://www.euricovianna.com.br/podcast/cj-e-o-papel-rob…-da-permacultura/

O caminho em direção a uma vida coerente, em harmonia com o planeta e gratificante só pode ser trilhado à partir do primeiro passo. Qual é o seu primeiro passo?

Abraços e até o próximo podcast Impacto Positivo!

Pico do Petróleo com Sérgio Pamplona

Pico do Petróleo com Sérgio Pamplona

June 14, 2018

Em 1956 o geólogo Marion King Hubbert apresentou os resultados de estudo encomendado pelo Instituto Americano do Petróleo. O relatório de Hubbert previa que a extração atingiria uma pico em aproximadamente 50 anos e que pouco depois sofreria um declínio rápido. Hubbert foi ridicularizado, mas todas as previsões de seu estudo se confirmaram com bastante precisão. O permacultor Sérgio Pamplona compartilha quais as implicações do Pico do Petróleo no momento atual brasileiro e explica porque é de fundamental importância que aprendamos a projetar uma sociedade mais energeticamente eficiente com urgência.

A palestra aconteceu durante a Partilha de Saberes, uma reunião mensal que acontece no Sítio Nós na Teia, nos arredores de Brasília. O sítio é um modelo de habitação sustentável onde os visitantes podem conhecer os princípios, tecnologias e práticas de quem já vive no dia-a-dia uma vida ambiental e energeticamente consciente. Sérgio e sua companheira Mônica tem se dedicado incansavelmente à prática e ensino da permacultura como forma de emponderar as pessoas a seguir seu exemplo de vida regenerativa. 

Para mais informações sobre a palestra e contatos do Sérgio Pamplona visite a página do podcast no site - https://www.euricovianna.com.br/?post_type=podcast&p=1034&preview=true

Faça sua inscrição no canal e compartilhe à vontade.

Poluição Marinha, Serviços Ecológicos e Ciência Ambiental com Dr. Alexander Turra

Poluição Marinha, Serviços Ecológicos e Ciência Ambiental com Dr. Alexander Turra

May 31, 2018

Pesquisas indicam que se não mudarmos nosso estilo de vida consumista e poluente em 2050 teremos mais plástico que peixes nos oceanos.  Os serviços prestados pelos ecosistemas marinhos já foram calculados na ordem dos 30 trilhões de dólares, ou seja, a economia mundial não daria conta de pagar por eles. Mas a quantificação ou 'precificação' dos serviços ecológicos não é o caminho afirma o Dr. Turra. Isso porque grande parte do que a natureza faz e o como ela o faz, a tecnologia humana não substitui. A conversa de hoje no podcast Impacto Positivo é com o ecólogo professor e pesquisador da USP, Dr. Alexander Turra. Conversamos sobre o lixo marinho, os serviços ecológicos prestados pelos oceanos e o papel da ciência ambiental na formulação de políticas públicas e debates sobre o aquecimento global.

Dois assuntos permearam nossa conversa: os micro-plásticos e os gyros.

O gyros são áreas onde as correntes marítimas e os ventos acumulam dejetos em vórtices enormes, sempre existiram. Mas antes da sociedade de consumo, da dependência do petróleo como matriz energética e de matéria prima, o que se acumulava era matéria orgânica. Hoje é o plástico. O tempo de decomposição do plástico plástico é lento e as pesquisas revelam outra grande ameaça do uso do plástico, o micro-plástico. Os pedaços cada vez menores do plástico que ingerido pela vida marinha e torna a contaminar toda a cadeia alimentar, inclusive os seres humanos.

O trabalho do Dr Turra, assim como de outros ativistas e ambientalistas, é fundamental na sensibilização das pessoas e agentes públicos e privados para que possamos formar políticas públicas que possam resolver o problema na sua raiz; a dependência do petróleo como matriz energética da nossa sociedade.

Agora uma linhas finais sobre o podcast... A página do FB passou das 300 curtidas! E nas últimas semanas recebi muitas mensagens super positivas. Fico muito agradecido e honrado com a companhia de tanta gente engajada e sensível! Vejam abaixo algumas formas por meio das quais vocês podem apoiar o projeto.

- Se você usa um celular Android se inscreva no Stitcher ou se usa iPhone, se inscreva no iTunes.  Aproveite e deixe sua avaliação por lá, isso faz muita diferença em como o podcast passa a ser 'oferecido' nos mecanismos de busca ;)

- Compartilhe as entrevistas e artigos com seus comentários nas suas mídias sociais.

- Se você prefere assistir as entrevistas em vídeo, se inscreva no canal no YouTube.

- Curta a página do Podcast no Facebook

- Se inscreva na mala direta para receber artigos, entrevistas e cursos em primeira mão.

 

Abraços,
Eurico Vianna

A Pedagogia Viva e as crianças que vamos deixar para o mundo

A Pedagogia Viva e as crianças que vamos deixar para o mundo

May 18, 2018

Em uma casinha amarela no seu sítio eles começaram a receber crianças, adolescentes, mães e pais e criaram uma abordagem de ensino-aprendizagema revolucionária, a Pedagogia Viva. Centrada no desenvolvimento espontâneo dos alunos e em facilitadores conscientes, conectados com o processo e presentes no momento, a Pedagogia Viva tem ajudado várias famílias a superar o desafio cada vez maior de educar crianças que já não se adequam mais ao ensino formal. Esse é o oitavo episódio do podcast Impacto Positivo e eu converso com Talita Moser Gabriel Menezes.

Talita e Gabriel são pessoas comuns como nós todos, mas que se tornaram muito especiais porque se conectaram com seu chamado. Eles se tornaram mãe, pai, facilitadores de Yoga, agrofloresteiros e pedagogos. A Talita conta que todas esses papeis foram motivados principalmente por uma pergunta: "que filhos deixaremos para o mundo?" conta Talita. E quando eu ouvi deles essa pergunta ela reverberou em mim... porque frequentemente o que me guia é uma pergunta um pouco diferente mas complementar: "que mundo vou deixar para os meus filhos?".

Para mais informações e links para o trabalho da Talita e do Gabriel com a Pedagogia Viva visite a página do episódio no site do Podcast Impacto Positivo.

Mais uma vez obrigado a todos que tem compartilhado o conteúdo do podcast, espalhado essas histórias pela rede e nos indicado pessoas maravilhosas para entrevistar. Compartilhar mais desse novo mundo que já existe espalhado por aí e conectar esses polos de sanidade e harmonia com Gaia é nossa missão maior.

Grande abraço com muito axé para todos!
Eurico Vianna

Morada da Floresta - Aprendendo e Empreendendo com a Natureza

Morada da Floresta - Aprendendo e Empreendendo com a Natureza

May 9, 2018

Com muito amor e dedicação Cláudio e Paula transformaram uma casa, que já funcionava como uma comunidade na cidade de São Paulo, na Morada da Floresta, um espaço modelo de vida regenerativa e empreendedorismo socioambiental. Esse podcast é sobre essa jornada por meio da qual as soluções ecológicas do cotidiano de uma família engajada se transformaram em produtos que ajudam as pessoas a minimizar seu impacto ambiental no dia-a-dia.

Uma história de muitas batalhas e muito sucesso que mostra que o empreendedorismo socioambiental pode sim ser financeiramente viável mesmo nos grandes centros urbanos.

Para mais informações e links para os produtos e cursos do Cláudio e da Paula na Morada da Floresta, visite a página do podcast no site.

Como de costume, lembro a vocês que mudança boa se faz em boa companhia! Se você tem aprendido e se inspirado com o podcast, peço que compartilhe o conteúdo nas suas redes sociais e deixe suas avaliações no iTunes ou Stitcher. Para enviar notícias de impacto positivo é só compartilhar os artigos direto em nossa página no Facebook ou enviar sua sugestão de pauta por email para info_arroba_euricovianna.com.br com o título "Sugestão de Pauta para Impacto Positivo".

Abraço e até o próximo episódio!
Eurico Vianna.